Sexta-feira, 16 de Novembro de 2018  Negócios   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Público mais eficiente que privado
2005/11/10

O Hospital de Aveiro classifica-se em antepenúltimo lugar e o de S. Sebastião, da Feira, em penúltimo, na lista dos hospitais com o estatuto de Entidades Públicas Empresariais, não centrais nem especializadas, no que respeita à eficiência, segundo o número de camas (capacidade de oferta) e de acordo com o volume de produção e número de doentes tratados.

Esta classificação foi obtida segundo a «Avaliação da eficiência e da qualidade» do Grupo de trabalho sobre indicadores de monitorização de hospitais, hospitais SA (com gestão empresarial) e centros de saúde, da Direcção-Geral da Saúde.

A DGS concluiu que «o hospitais com gestão empresarial são menos eficientes do que aqueles que mantiveram o estatuto público administrativo».

Do grupo dos hospitais de Aveiro e da Feira, o Hospital de Matosinhos é o menos eficiente e o Hospital de Garcia de Orta o mais ineficiente dos do Sector Público Administrativo (SPA).

Entre os SPA, o Hospital de Anadia é o menos eficiente, de um grupo do qual faz parte Anadia, Estarreja, Espinho e Ovar.

O Hospital de Águeda é o mais eficiente do Grupo 2 e, a seguir, S. João da Madeira. Comparados com os hospitais EPE, os SPA de Oliveira de Azeméis, São João da Madeira e Águeda, são mais eficientes do que os quatro hospitais EPE do Grupo II - Figueira da Foz, Amarante, Vila Nova de Famalicão e Barcelos.

Enviar por email  Imprimir
Vasco
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind