Quarta-feira, 21 de Abril de 2021  Negócios   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Consórcio investe na Industria 4.0
2021/04/07

Augmanity é um projeto de inovação liderado pela Bosch Portugal com a Universidade de Aveiro como parceiro científico estratégico para desenvolver e implementar novas tecnologias relacionadas com indústria 4.0, dispondo de 8,5 milhões de euros para investir.

Terá duração de três anos e data de conclusão prevista para junho de 2023 sendo financiado pelo Portugal 2020 no âmbito do POCI e pelo FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional).

O objetivo é desenvolver produtos, processos e serviços inovadores e melhorar a «eficiência dos processos industriais, contribuindo para a sustentabilidade ambiental dos mesmos, potenciando o desenvolvimento e adequação dos processos produtivos de acordo com as características da população ativa, com o fator diferenciador de estar pensado para fomentar a atração, preparação e motivação dos recursos humanos para uma nova realidade industrial – a Indústria 4.0».

O projeto envolve 255 pessoas e um «consórcio muito forte», segundo a BOSCH, como a AAPICO, Altice Labs, Atena, Critical Manufacturing, EPL, Globaltronic, GroundControls, Huawei, ICC Lavoro, IKEA, Microplásticos, OLI e Bosch Security Systems, o Centi – Centro de Nanotecnologia e Materiais Técnicos, Funcionais e Inteligentes, o CCG - Centro de Computação Gráfica da Universidade do Minho, o Pólo das Tecnologias de Informação, Comunicação e Electrónica - TICE.PT, as Faculdades de Engenharia e de Ciências da Universidade do Porto, o Instituto de Telecomunicações e o Fraunhofer Portugal.
A Bosch mobiliza 61 colaboradores, a UA 55 investigadores e serão contratados 25 bolseiros de investigação para as várias áreas de I&D.

A Bosch acredita que o projeto «pode ser efetivamente “mobilizador” e representar um impacto muito significativo para o futuro da indústria nacional, quer a nível dos processos industriais, quer até mesmos dos processos de negócio”, explica Nelson Ferreira, responsável Internacional Indústria 4.0 na Bosch Termotecnologia Aveiro.

«Queremos com este projeto fazer que todas estas tecnologias de ponta sejam naturais e uma mais valia para o «chão de fábrica», segundo Nelson Ferreira.
Para o Vice-Reitor para a investigação da UA, Artur Silva “a participação multidisciplinar de vários Departamentos de Ciências, Engenharias e Escolas Politécnicas da UA é muito importante não só para a UA, mas para as empresas que participam no projeto, fazendo-se investigação industrial aplicada e com uma forte transferência de conhecimento para estas empresas”.

É organizado com base em cinco grandes áreas tecnológicas, nomeadamente
Ergonomia Industrial e Robótica, Data Science, IIoT/5G, Visão Artificial, Realidade Virtual e Aumentada, e a vertente de Recursos Humanos em ambiente i4.0,

Enviar por email  Imprimir
Ribau perdeu Moedas?
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind