Terça-feira, 15 de Outubro de 2019  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Câmara prepara novo encaixe com vendas e licenças
2019/09/12

A Câmara de Aveiro espera um novo encaixe financeiro com a venda de vários imóveis, em hasta pública, com um valor base global de 6.185.750 euros com uma redução de cerca de 15 por cento comparando com a hasta pública de abril último, “em consequência do processo de revisão da sua avaliação“, segundo a autarquia.

Os imóveis situam-se na Fonte Nova, Bairro de Santiago, Gulbenkian, Paço e Aradas

Os móveis de preço mais elevado são parcelas de terreno com 1.170 m2, na Fonte Nova, por 1,4 milhões de euros. A receita conseguida será utilizada para o pagamento da dívida bancária.

A autarquia considera o “dinamismo do investimento imobiliário no Município de Aveiro, nomeadamente para áreas destinadas ao comércio e à habitação, e sendo particularmente evidente a necessidade de aumentar a oferta de habitação também como forma de regular o crescimento dos preços que se tem vindo a verificar nos últimos dois anos“.

Para a autarquia , é “oportuna a venda de vários dos seus imóveis por forma a dar contributo para o aumento da oferta e o reequilíbrio do mercado, a promoção da economia local, a renovação urbana da Cidade com mais investimento privado“.

Em abril, foram vendidos 7 lotes, com uma receita de 1.448.880 euros, superando em 243.000 euros (mais 20 por cento) o valor base para os lotes em causa.

O processo segue para autorização prévia da Assembleia Municipal.

Enquanto isso, as licenças atribuídas aos operadores dos passeios nas embarcações tradicionais terminam a 31 de Dezembro e será aberta uma hasta pública, em regime de licitação verbal, para atribuição do direito de uso privativo de 10 cais de atracação nos canais urbanos.

Em concurso estão 27 lugares de atracação no Lago da Fonte Nova, no Canal Central e no Cais dos Botirões, nos mesmos locais das licenças atuais em vigor, com um valor base de licitação para cada posição no valor de 50.000 euros para a ocupação no período de cinco anos, de 2020 a 2024.

A data e o local da hasta pública serão anunciados em breve.

Nos circuitos turísticos rodoviários - tuk-tucks e comboios - será abertura uma hasta pública, por licitação verbal, para atribuição do direito de uso privativo do domínio público.

Em concurso estão oito lugares, correspondentes a 3 localizações, com destaque para uma nova localização em São Jacinto, além do Cais da Fonte Nova e o Rossio (ver tabela 1), para ocupação no período de cinco anos (2019-2024), sendo que a data e o local serão marcados em breve.

Enviar por email  Imprimir
Papa
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind