Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
1 de maio quer «ir muito mais longe»
2017/05/02

Acabar com a precariedade, o congelamento das carreiras profissionais, activar a renovação automática dos contratos colectivos e parar o aumento da idade de reforma foram exemplos dados por Adelino Nunes, coordenador da União de Sindicatos de Aveiro, durante as comemorações do 1º de maio em aveiro para «ir muito mais longe».

«É preciso ir muito mais longe» além do aumento do salário mínimo, do regresso às 35 horas de trabalho semanais e recuperação de feriados , disse o dirigente sindical

O discurso do coordenador dos sindicatos foi feito no Rossio, após o desfile desde a estação da CP, no topo da Av. Lourenço Peixinho, até à baixa da cidade.

Em Lisboa, o líder da CGTP, Arménio Carlos referiu-se à necessidade de um «salto qualitativo no mundo laboral».

Desafiando a coligação de esquerda PS-PCP-BE, o líder nacional da central de sindicatos disse que «agora com um esta maioria podemos resolver o problema, de que é que o PS está à espera?», perguntou.

Arménio Carlos prometeu duas «grandes manifestações», em Junho.

Enviar por email  Imprimir
ROBOTS
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind