Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018  Negócios   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Câmara reclama responsabilidade na fábrica
2017/02/10

A Câmara de Aveiro diz em comunicado que a decisão da construção da fábrica de papel tissue The Navigator Company (TNC) em Cacia (antiga Portucel) - «demonstra bem a capacidade de atração do município de Aveiro neste domínio, e a qualidade da estratégia de desenvolvimento em curso pela Câmara, que promove o desenvolvimento económico e a criação de emprego, ao mesmo tempo de capacita em termos organizacionais e financeiros a Câmara, presta serviços públicos de qualidade crescente aos cidadãos e realiza investimento público tirando o máximo proveito dos Fundos Comunitários do Portugal 2020».

A Câmara pressionou para o avanço da construção da fábrica: «Foi uma longa e intensa luta junto do Governo de Portugal e da TNC, nomeadamente desde 2015, para que os compromissos assumidos com a CMA para a construção desta importante unidade industrial fossem concretizados. E eis que a decisão está tomada e o processo está a ser retomado com toda a intensidade», segundo o mesmo comunicado.

Terá uma capacidade final de produção de «240.000 toneladas por ano, um investimento próximo dos 420 milhões de euros e uma projeção de criação de cerca de 300 novos postos de trabalho em Aveiro».

De resto, a autarquia, apresenta os factores positivos do projecto privado que «na sua primeira fase que agora vai arrancar para a sua construção, vai concretizar um investimento de 121 milhões de euros e criar 100 novos postos de trabalho, para uma capacidade de produção nominal de 70.000 toneladas por ano, perspetivando-se a sua entrada em funcionamento no segundo semestre de 2018 (…) vai ter uma relevante componente de exportação, o que constitui uma oportunidade muito significativa de dinamização e crescimento económico e de promoção do emprego, no contexto atual muito relevante, devidamente articulada com uma estratégia integrada de Ordenamento do Território e de sustentada coesão social».

Sobre a Variante Rodoviária de Cacia, um investimento total de cerca de 1.2 milhões de euros em construção, «constituiu uma condição necessária para a construção da nova fábrica (cumprindo a CMA o compromisso assumido pela TNC), para a qualidade de vida dos residentes na zona nascente de Cacia e para a segurança dos automobilistas que circulam naquela zona».

A TNC comparticipou com 35.000 euros os custos do Plano de Pormenor e do Projeto da nova Variante e vai comparticipar a obra da Variante em 500.000 euros, «num saudável processo de cooperação entre uma empresa privada, a TNC e a CMA, com relevante financiamento privado a uma obra pública, o que viva e publicamente saudamos. Esta obra não é financiada por Fundos Comunitários, por determinação dos regulamentos em vigor».

Enviar por email  Imprimir
Rápido!
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind