Terça-feira, 25 de Abril de 2017  Fora de Casa   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
Uma viola com pele humana
2016/10/30



















Tó Trips e Pedro Gonçalves, voltaram este sábado à noite ao Centro Cultural de Ílhavo, e Dead Combo, o cangalheiro e o gangster, montou um filme no palco que o público parecia estar dentro.

A figura de um barman passou o tempo do concerto no palco e, enquanto se ouvia o último tema, recolheu os copos… É que, durante o concerto, em cima do palco, atrás e ao lado dos dois Dead Combo e das «Cordas da Má Fama» estavam várias mesas com público sentado.

E quando as «Cordas da Má Fama» tocaram sem Dead Combo, Tó Trips e Pedro Gonçalves encostaram-se ao balcão, sim no palco, e beberam uma cervejinha.

A seguir voltarem a tocar, fizeram duelos com as «Cordas da Má fama», às vezes parecendo um desconcerto, sempre sem voz, correram o álbum «A Bunch of Meninos» e ouvem-se coisas únicas com as cordas e alguma percussão… sem percussionista… com as botas de Tó Trips e uns, tipo, guizos. Tira da viola sons únicos e sai da viola, e das cordas de Pedro Gonçalves, que também toca outros instrumentos, sons europeus e americanos.

Dead Combo toca como mais ninguém e a figura, principalmente, de Tó Trips, contraria o esperado por quem não o conhece de lado nenhum. Entre os temas fala pouco mas diz muito e aproxima-nos dele e a viola parece ser uma extensão, em pele humana, do artista. Mesmo que se esconda atrás da cartola. Por tudo, desejamos que o tema nunca acabe.

Mas neste ambiente não entra o público, que tem de refrear muito os ânimos, porque é tanto preciosismo que é melhor ouvir com atenção.

Enviar por email  Imprimir
Tchim! tchim!
.
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind