Domingo, 23 de Setembro de 2018  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Câmara paga 1,8 milhões para fazer escritura
2012/09/29

A situação financeira da Câmara de Aveiro continua a ser o assunto mais forte das sessões da Assembleia Municipal de Aveiro, como aconteceu na última reunião, quando o líder da autarquia Élio Maia, voltou a referir-se à dívida deixada pelo PS e a estabelecer, com ironia, a diferença entre os ‘cegos’ e os ‘iluminados’, ilustrando com os 1,8 milhões de euros que a autarquia teve de gastar para a escritura de terrenos.

Na semana passada, a Câmara teve de pagar 1,8 milhões de euros para que fosse possível a escritura de terrenos do Plano de Pormenor do Centro vendidos por 3,6 milhões de euros.

A Câmara, presidida por Alberto Souto, vendeu, encaixou 3,6 milhões de euros, mas não fez a escritura.

Mas esta não foi a única intervenção de Élio Maia dirigida aos socialistas que dirigiram críticas ao presidente durante seis horas, apesar de também ser criticado, por outras razões, por elementos dos partidos da maioria, PSD e CDS.

Segundo Élio Maia, a Câmara acaba de reconhecer cerca de 900 mil euros, respeitante a juros, de uma obra da empresa Somague, que participou na obra de construção do estádio, concretamente, nos acessos viários.

Enviar por email  Imprimir
ÒuvidÓ na TV
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind