Terça-feira, 13 de Novembro de 2018  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Oposição queria concurso para alargar concessão
2012/03/08

A Assembleia Municipal de Aveiro aprovou esta quarta-feira à noite o aditamento ao contrato concessão de abastecimento de água, promovida pela Associação de Municípios do carvoeiro-Vouga mas com muitas críticas por parte da oposição principalmente pela ausência de concurso público na cedência da exploração do negócio por mais 10 anos, aprovada por maioria com os votos contra do PS, PCP e BE.

O socialista Pires da Rosa, que disse ter «muitas dúvidas na legalidade» do aditamento requereu a figura de ‘voto de vencido’ ou seja, isentando-o da responsabilidade da deliberação tomada na Assembleia, segundo uma proposta apresentada pela Câmara.

O vereador Pedro Ferreira alegou um parecer e a verificação de incompatibilidades e Manuel Coimbra, do PSD, disse que «os aspectos jurídicos estão salvaguardados», enquanto para António Salavessa, do PCP, «não se justifica o alargamento da concessão sem concurso público».

Ivar Corceiro do Bloco de Esquerda também requereu a figura de ‘voto de vencido’ e reprovou o facto de não haver concurso público e na bancada do CDS, Ernesto Carlos Barros, valorizou o ponto relativo à possibilidade de beneficiar mais municípios (Oliveira do Bairro e Vagos).

No ponto do alargamento da associação de municípios do Carvoeiro àqueles dois municípios, todas as bancadas se mostraram favoráveis, à excepção do BE. Ivar Corceiro disse recusar que «mais municípios sigam uma política escandalosa».

Enviar por email  Imprimir
ÒuvidÓ na TV
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind