Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Passadeiras vão mudar
2010/09/11

Gustavo José Filipe Ramos, de Cacia, venceu o Concurso de Ideias «Cá Fora» 2010 para Animação do Espaço Público lançado pela Câmara de Aveiro com a proposta “Pass(e)adeiras de Aveiro” que consiste na decoração das passadeiras com imagens fotográficas, banda desenhada, esculturas de artistas locais ou jovens criadores sensibilizando as pessoas ao uso das passadeiras. Segundo comunicado da Câmara, esta ideia «poderá ser concretizada em várias ruas da Cidade criando um circuito de arte de rua, através de passadeiras redecoradas/redesenhadas».

O segundo lugar foi atribuído a Celso Assunção da freguesia da Glória, Aveiro, com o projecto “Vestir Aveiro” com o qual se pretende “vestir” elementos da via pública situados no coração da cidade de Aveiro como por exemplo, sinais de trânsito, semáforos, postes de iluminação, árvores e outras estruturas dominantes na via pública. A zona de intervenção pensada é a Rotunda da Ponte Praça, Pracetas circundantes e Av. Dr. Lourenço Peixinho. «Estes elementos serão vestidos com tecidos sem sofrerem qualquer tipo de danificação», diz o mesmo comunicado.

“Na Rota das Festas e Romarias da Ria de Aveiro” é o nome da proposta de António Francisco Dias Gamelas de Esgueira, Aveiro, que tem como finalidades manter a tradição das gentes de Aveiro em rumar em Barcos Moliceiros até às grandes Festas e Romarias da nossa Ria, sendo um reviver de tradições, um aproximar de pessoas entre a Ria, a Cidade e o Mar.

Foi também atribuída uma menção honrosa a Ana Isabel de Melo Viçoso de Lisboa com o projecto “AVEIRARTE” que consiste na troca de conhecimentos artísticos, uma espécie de Banco de Cultura onde cada pessoa inscrita poderia ensinar outras, nomeadamente, música.

O júri foi constituído pela Vereadora responsável pelo Pelouro da Cultura, Maria da Luz Nolasco, dois representantes do Município de Aveiro, e um membro convidado, Rui Grazina. Os critérios foram a «inovação dos projectos e mais valia para as áreas geográficas de intervenção e respectivas dinâmicas de desenvolvimento local e do município, evidenciando uma estratégia de intervenção integrada no tecido cultural do território, contributo do projecto para a modernização do território, nomeadamente através dos seus efeitos de reforço e promoção da cultura e do turismo, parcerias estabelecida para a concepção e realização ideia/projectos, apoio provindo do mecenato e/ou patrocínio, consubstanciando a capacidade de auto financiamento da ideia/projecto, originalidade/criatividade do conteúdo da iniciativa, promoção da centralidade e da identidade de Aveiro, envolvimento da comunidade e efeitos multiplicadores no seu seio, interesse cultural e transversalidade da ideia/projecto e, por último, a demonstração do potencial de concretização, nomeadamente a aplicabilidade da ideia/projecto em caso concreto».

Enviar por email  Imprimir
ÒuvidÓ na TV
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind