Quinta-feira, 15 de Novembro de 2018  Desportos   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Europeu de bodyboard arranca hoje
2010/08/31

Mais de 30 atletas de vários países iniciam esta terça-feira na praia da Costa Nova, em Ílhavo, a disputa da etapa portuguesa e única exclusivamente feminina dos circuitos Europeu e Mundial de bodyboard, uma prova que integra o programa do Miss Sumol Cup 2010, uma competição que pontua também para o Circuito Mundial, que termina esta quarta-feira.

São 32 atletas de oito nacionalidades, que vão entrar em acção no mar da Costa Nova, entre as quais a campeã europeia em título, a portuguesa Marta Fernandes, e ainda da vencedora do Miss Sumol Cup 2009, a porto-riquenha Natasha Sagardia.

Na competição-rainha do Miss Sumol Cup encontra-se a portuguesa Catarina Sousa, antiga campeã nacional e europeia, que faz questão de, para além da competição, ministrar umas aulas aos muitos aspirantes a bodyboarders.

«Este campeonato tem um ambiente especial, porque é uma prova só para nós e em que estamos sempre num ambiente muito descontraído. Temos sido sempre muito bem recebidas, e isso conta muito, e também por isso esta prova é tão especial para todas nós, portuguesas e estrangeiras», afirma a fundadora da escola de bodyboard Boogie Chicks, a primeira a nível mundial exclusivamente feminina.

A atleta de Carcavelos, que em 2009 venceu em Sintra a segunda etapa mundial da sua carreira, não esconde o desejo de conseguir vencer a prova ilhavense.

«Gostava muito de um dia poder ganhar este campeonato, porque venho aqui desde a primeira edição e gostava muito de um dia ser a Miss Sumol. Estou aqui descontraída, vou fazer o meu melhor e se a isso somar uma vitória, tanto melhor. Senão conseguir vou continuar a vir na mesma, isso é garantido».

Catarina Sousa tem um objectivo: «Como qualquer atleta tenho o sonho de ser campeã do Mundo. Já consegui ser campeã nacional e da Europa, falta-me ser campeã mundial… Este ano não comecei muito bem, pois não tive uma boa prestação no Brasil, mas já em 2009 tinha começado mal o Circuito e cheguei a Sintra e ganhei. Este ano não consegui alcançar a final, mas não posso dizer que fiquei aborrecida com o meu resultado, porque o terceiro lugar foi muito bom e agora é só continuar a manter-me lá no topo».

Antes da prova de Sintra, competição que terminou no domingo com a vitória da brasileira Isabella Sousa, Catarina estava em 11º lugar do ranking, tendo com o resultado ali alcançado ascendido ao sexto lugar, revelando o objectivo até final da época: «Não digo o primeiro lugar, porque penso que a Isabella vai ser campeã do Mundo, pois venceu duas provas muito importantes e já ninguém a consegue bater, no entanto, gostava de ficar entre as três primeiras classificadas…».

Enviar por email  Imprimir
Andamos a brincar
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind