Quarta-feira, 14 de Novembro de 2018  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
UA desenvolve dermocosméticos terapêuticos
2010/07/23

Um grupo de investigadores da U´niversidade de Aveiro revelaram os primeiros produtos dermocosméticos com fins terapêuticos e medicinais que desenvolveu a partir de areia carbonatada biogénica e de argila esmectítica, recursos geológicos singulares da ilha do Porto Santo.

A primeira demonstração pública das virtudes dos novos produtos constituiu um sucesso. As formulações entretanto desenvolvidas, em colaboração com o Centro de Tecnologia Farmacêutica da Faculdade de Farmácia da Universidade do Porto e da Faculdade de Ciências da Saúde da Universidade Fernando Pessoa, Porto, foram aplicadas em visitantes/voluntários da Bolsa de Turismo de Lisboa, no stand da Madeira, em Janeiro deste ano, segundo comunicado da UA.

«As formulações desenvolvidas, em colaboração com a Faculdade de Farmácia do Porto e a Universidade Fernando Pessoa, ultrapassaram as expectativas criadas e suscitaram muito interesse na comunidade do Turismo de Saúde e Bem-Estar.», diz o mesmo comunicado.

INFO UA
«A ilha do Porto Santo possui um conjunto de recursos naturais diferenciadores, tais como clima, água do mar, água de nascente, areia carbonatada biogénica, argila esmectítica (bentonite) e, ainda, vegetais e frutos comestíveis, produzidos por agricultura biológica em solos desenvolvidos no tipo de areia especial referido, que permitem atribuir-lhe a designação de Estância Singular de Saúde Natural. Tradicionalmente, e de modo empírico, a areia carbonatada biogénica é utilizada, sob a forma de banhos de areia, em tratamentos de doenças de foro reumático, ortopédico e fisiátrico e a argila esmectítica aplicada em máscaras faciais.

Estes recursos têm vindo a ser estudados dos pontos de vista técnico, científico e clínico nos últimos 12 anos por uma equipa multidisciplinar para o seu aproveitamento e aplicação local em Clínicas de Geomedicina, em Centros de Talassoterapia e em SPAs. Investigar e aproveitar com bases científicas alguns dos recursos referidos foi o ponto de partida de um estudo, coordenado pelos investigadores Celso de Sousa Figueiredo Gomes e João Baptista Pereira Silva, da Unidade de Investigação, sediada na UA, Geobiociências, Geotecnologias e Geoengenharias (GEOBIOTEC).

Em 1995, iniciaram-se estudos para identificar e caracterizar as propriedades relevantes da areia que pudessem ser justificativas dos benefícios terapêuticos, reconhecidos empiricamente por médicos e pacientes, dos banhos tradicionais na areia carbonatada biogénica. A informação recolhida a partir dessa investigação em torno desta areia e da argila esmectítica (bentonite) proporcionou, através de um projecto iniciado em 2006, inovar e desenvolver produtos genuínos e diferenciadores com fins terapêuticos e medicinais», explicam Celso Gomes e João Baptista.

Os cremes hidratantes e os sabonetes e géis esfoliantes concebidos apresentam propriedades específicas relevantes ao nível mineralógico, térmico, químico, bioquímico e hidroquímico, tanto no estado natural como depois de desenhados e reformulados, conforme explicam os investigadores.

As areias carbonatadas biogénicas da Ilha do Porto Santo possuem baixa dureza, todavia bastante para poderem actuar como agente esfoliante. Estas areias apresentam, ainda, singulares propriedades térmicas (retentoras de calor) e químicas (ricas em elementos químicos bioessenciais, tais como cálcio, magnésio, estrôncio, fósforo e enxofre e iodo). No caso dos sais minerais e elementos traço referidos, eles são facilmente libertados, durante o banho de areia, por dissolução química, quando a areia entra em contacto com o suor humano de carácter ácido que é desenvolvido pelo facto da temperatura da areia ser um pouco superior à temperatura do corpo humano, podendo ser incorporados por efeito osmótico».

Para além da esfoliação, é conveniente a utilização de produtos cosméticos e de higiene corporal com propriedades hidratantes e emolientes que contribuam para a manutenção das propriedades mecânicas da pele, nomeadamente a flexibilidade, a plasticidade e a elasticidade. Com este fim, os investigadores desenvolveram, também, produtos complementares de limpeza e hidratação, nomeadamente um gel de banho e uma loção contendo Aloé Vera.

«A psamoterapia ou arenoterapia se associada a outras naturoterapias, tais como, climaterapia, helioterapia, hidroterapia e peloideterapia ou peloterapia pode promover e potenciar o Porto Santo como Estância Singular de Saúde Natural. Uma das nossas preocupações é introduzir nos produtos desenvolvidos o conceito de denominação de origem. Por isso, neste momento estamos a fazer a caracterização detalhada do produto e a procurar parceiros para o seu desenvolvimento e comercialização», salientam os investigadores».

Enviar por email  Imprimir
Andamos a brincar
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind