Sábado, 17 de Novembro de 2018  Aveiro   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
ADERAV sugere vigilantes do património
2010/07/07

O furto da coroa em bronze maçónica da estátua de José Estêvão, em Aveiro, do Grande Oriente Lusitano Unido já foi «reportado à Polícia Judiciária, segundo a Associação para o Estudo e Defesa do Património Natural e Cultural da Região de Aveiro (ADERAV) que sugere a promoção de «ocupações simples mas decisivas como as de vigilantes do património urbano e natural» e apela ao «reforço da vigilância de toda a comunidade». (foto cm-aveiro)

Entretanto, a ADERAV solicitou junto da Câmara Municipal de Aveiro «esclarecimentos sobre o desaparecimento das placas memoriais junto à estátua de José Estêvão destacando a Coroa em bronze com a inscrição: A José Estêvão Coelho de Magalhães. Agosto. O Grande Oriente Lusitano Unido. 1889.»

O caso da estátua é para a ADERAV «mais confrangedor se pensarmos no respeito que a figura de José Estêvão, cujo centenário se comemorou recentemente, sempre motivou, inclusivé ao longo de décadas de regime ditatorial onde inscrições maçónicas eram mantidas em grande segredo e Aveiro ostentava um raro testemunho público da maçonaria».

O roubo de azulejos é um «verdadeiro flagelo nacional» segundo a ADERAV, mas aponta agora para «o saque inadmissível de elementos do património urbano plenos de significado histórico».

Enviar por email  Imprimir
Vasco
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind