Terça-feira, 25 de Setembro de 2018  Desportos   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Artur Filipe defende eleições em Março
2008/02/19

O presidente do Beira-Mar defende que deve ser estudada a possibilidade de as eleições no clube serem realizadas já em Março, noticia o Diário de Aveiro.

«Os estatutos apontam para que o acto eleitoral dos novos corpos sociais tenha de ser consumado até Abril, mas Artur Filipe diz que «quanto mais cedo se realizar melhor».

Ao Diário de Aveiro, Artur Filipe voltou a confirmar que não se recandidata ao cargo que ocupa desde 2005, quando foi escolhido para substituir Mano Nunes, mas não exclui a possibilidade de integrar uma lista concorrente. O líder do clube defende a candidatura do vice-presidente José Cachide («seria ouro sobre azul», declarou), desafiando ainda as figuras que têm contestado a actual direcção a disputarem as eleições.

O dirigente deverá aprofundar o tema nos próximos dias com o presidente da Assembleia-Geral, António Graça, que, contactado ontem pelo Diário de Aveiro, confirmou que as eleições podem realizar-se antes de Abril, de acordo com o estipulado pelos estatutos. «Se for esse o desejo da direcção, não haverá motivos para as eleições não serem disputadas em Março», afirmou.

Apesar do desejo manifestado por Artur Filipe, José Cachide diz estar «fora de questão» a sua candidatura à presidência do clube, embora aceite integrar uma lista constituída por «gente credível». «Há muita gente, mesmo dos actuais órgãos sociais, com capacidade para se candidatar», ajuíza o dirigente.

Marques da Silva na expectativa Marques da Silva, candidato derrotado nas últimas eleições do Beira-Mar, em 2005, não afasta a hipótese de uma nova candidatura, mas aguarda até que se perfilem outros concorrentes. «Neste momento a minha resposta é «nim» - não digo nem que sim, nem que não», afirmou ao Diário de Aveiro.

O advogado de Albergaria-a-Velha faz uma avaliação negativa do trabalho da actual direcção. «Foi uma gestão ruinosa, quer do ponto de vista desportivo quer do ponto de vista financeiro», realçou. Declara, por isso, que não gostaria de ver algum dos actuais dirigentes «auri-negros» a avançar para as próximas eleições.

«Só avançarei se perceber que o Beira-Mar precisa de mim», afirmou ao Diário de Aveiro, fazendo também depender a sua decisão da resposta recebida das pessoas que o apoiaram há três anos. Em Junho de 2005, Marques da Silva contou com o apoio de personalidades como Tércio Silva, Artur Alves Moreira, Sandra Isabel Souto Marques, Manuel Correia Marques ou Domingos Cerqueira.» Diário de Aveiro - notícia não acessível on line

Enviar por email  Imprimir
ÒuvidÓ na TV
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind