Segunda-feira, 19 de Novembro de 2018  Negócios   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
«Azeméis Gran Plaza» pronto em 2009
2007/12/09

A Promoquatro – Investimentos imobiliários, Lda, detida em 50% pelo Grupo Martifer, vai investir 30 milhões de euros na construção do centro comercial «Azeméis Gran Plaza», que pretende inaugurar dentro de dois anos, anunciou ontem o presidente do Conselho de Administração.

«Se tudo correr como planeado pretendemos inaugurar o novo centro comercial no final de 2009», disse Carlos Martins na apresentação do investimento. A Martifer quer «avançar o mais rapidamente com a obra.
A nova superfície comercial – a implantar no espaço do antigo mercado provisório - contemplará áreas de habitação e de comércio num total de 35 mil metros quadrados de construção.

«Será um edifício com muita luz e com muito espaço interior destinado ao público», afirmou o autor do projecto de arquitectura, Vítor Martins. Dos 29 mil metros quadrados ocupados pelo shopping 10 800 metros destinam-se às lojas e os restantes serão espaços de usufruto para os visitantes.

As características do empreendimento assentam numa «imagem apelativa com identidade própria» onde a «funcionalidade e o conforto são traços dominantes».

Segundo o promotor urbanístico, a nova área comercial pretende ser «um pólo dinamizador do centro urbano de Oliveira de Azeméis» e um «destino referencial de compras».

O projecto prevê 59 lojas de comércio, um hipermercado, 13 restaurantes e duas salas de cinema, além de albergar a futura loja do Cidadão. Uma outra área do empreendimento (que será apoiado por 340 lugares de estacionamento) é destinada a habitação.

Para o presidente da autarquia, Ápio Assunção enuncia «a criação de emprego», o «estímulo à criação de novas empresas» e «o complemento à oferta já existente».

Enviar por email  Imprimir
Vasco
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind