Terça-feira, 20 de Novembro de 2018  Negócios   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
 Notícias Anteriores:  últimos 7 dias  |  últimos 30 dias  |  anteriores
Apoio para as micro empresas
2007/10/13

As micro e pequenas empresas do concelho de Oliveira de Azeméis têm, a partir de hoje, novos incentivos para projectos de investimento através do Programa «Finicia», anuncia a Câmara de Oliveira de Azeméis, através do protocolo assinado esta sexta-feira.

O presidente da Câmara, Ápio Assunção, disse que a inovação e a diferenciação empresarial SÃOmeios de «concorrer num mercado que é cada vez mais exigente».

A autarquia diz que o programa «virado para o reforço da competitividade e diferenciação empresarial, destina-se a apoiar projectos nas áreas da indústria, comércio, turismo, construção e serviços com um máximo de financiamento de 45 mil euros».

O apoio é proveniente do Fundo de Apoio Financeiro ao Investimento «Azeméis Finicia» é constituído pela Câmara de Oliveira de Azeméis e parceiros ligados a fundos de capital de risco e de garantia mútua.

O autarca lembrou que «o centro urbano tem todas as condições para se transformar num centro comercial ao ar livre».
O Fundo de Apoio Financeiro ao Investimento – no valor de 250 mil euros – é suportado em 20% pela autarquia na forma de subsídio reembolsável sem juros e os restantes 80% pela entidade bancária.

O programa é gerido pela Associação de Desenvolvimento Regional de Entre Douro e Vouga (ADReDV) e, com a autarquia, analisa, acompanha os pedidos de financiamento e controla a execução financeira e física.

O Project abrange 57 ruas do centro urbano de Oliveira de Azeméis, tem como parceiros a autarquia, a ADReDV, o Instituto de Apoio às Pequenas e Médias Empresas (IAPMEI), o BPI e a Norgarante (Sociedade de Garantia Mútua, S.A).

Há «prémios financeiros» que podem envolver a isenção integral do reembolso no caso da transferência de estabelecimentos já existentes para as ruas Bento Carqueja e António Alegria.

«Em caso da criação líquida de três ou mais postos de trabalho o empresário gozará, também, de isenção integral de reembolso. Nos restantes casos (criação de dois postos de trabalho e recuperação de fachadas dos edifícios-sede da empresa) está prevista uma isenção de 50 por cento.

O Programa «Finicia» foi lançado em 2006 pelo Ministério da Economia com o objectivo de apoiar projectos ligados à inovação, a negócios emergentes de pequena escala e a iniciativas empresariais de interesse regional», segundo comunicado da autarquia.

Enviar por email  Imprimir
Vasco
Questionário
Sim
Não


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind