Sábado, 23 de Setembro de 2017  Home   
 
Recomende este site
DesportoAveiro
Candal
2009-6-19

Candal

O que mais chateia nisto tudo é que estava em plena forma. Era o melhor no palco de Aveiro mas era uma luta desigual porque não tinha adversários à altura.
Era superior.

As notícias dos meios de comunicação de expressão nacional realçam um episódio de 1995 quando escreveu o “Breve Manifesto Anti-Portas – em português suave». De suave só na espessura do livrinho porque aquilo foi um caso nacional. Tudo porque o texto relacionava Paulo Portas ao lóbi gay. As notícias de hoje não referem esse pormenor, que afinal era o centro da polémica, nem outro aspecto.

A distribuição do Manifesto foi a arma que usou para sair do anonimato em que estava a cair. Estava a campanha para as legislativas ao rubro e Candal disputava os votos com Paulo Portas e Pacheco Pereira que eram as figuras que centravam as atenções dos jornais de maior distribuição e as estações de TV. A Internet era ‘inexistente’.
A candidatura de Candal não aparecia nas notícias e o Manifesto foi a solução. Chamou alguns jornalistas ao seu escritório de advogado e distribuiu o Manifesto e um CD. Custou-lhe a confiança política do partido, retirada pelo então secretário-geral, António Guterres, mas a candidatura avançou.  Ficou também muito conhecida a resposta dada a Guterres: “Ó António, mas tu já leste o papel?”.

Além de ser apenas um momento não foi mais importante do que Candal deu.

Nos últimos anos, era grande na Assembleia. Atravessou décadas e a sua principal arma manteve-se intacta. Ainda hoje são as palavras que fazem a política, a repetição de intervenções que se tornam naquilo que vale. Mesmo que seja injusto.

Na Assembleia Municipal de Aveiro conseguia o que é muito difícil. Muitas vezes as bancadas estão nervosas, o debate está ao rubro, o desaguisado está imparável e, com a actual presidência da Mesa, descamba para o corte da palavra.

No meio do calor, Carlos Candal desanuviava o ambiente de uma forma fantástica. Era o que eu achava melhor nele.

João Peixinho

Enviar por email  Imprimir
LATA
Questionário
BE
CDU
PAM
PS
PSD/CDS/PPM
Em branco
Não voto


 Home  | Aveiro  | Negócios  | Desportos  | Agenda  | Fora de Casa 

hosting e produção Digitalwind